segunda-feira, 24 de junho de 2013

Grade do Curso Engenharia de Petróleo e Gás


O Curso de Engenharia de Petróleo tem a duração convencional de 5 anos. O aluno para se formar deve cursar 4005 horas em disciplinas e 445 horas em requisitos curriculares complementares, no mínimo, assim distribuídas:

· Disciplinas obrigatórias: 3645 horas
· Disciplinas complementares de escolha condicionada (mínimo de 240 horas)
· Disciplinas complementares de livre escolha (mínimo de 120 horas)
· Requisito curricular suplementar "Estudo Geológico de Campo" (60 horas)
· Requisito curricular suplementar "Projeto Multidisciplinar" (45 horas)
· Requisito curricular suplementar "Projeto de Graduação" (180 horas).
· Requisito curricular suplementar "Estágio Supervisionado" (160 horas)

As disciplinas obrigatórias compreendem as matérias de formação básica (matemática, física, química, informática) que são essencialmente as mesmas que a Escola de Engenharia já ministra aos demais cursos de Engenharia; matérias de formação geral (metodologia científica, ciências sócias, econômicas e da administração e ciências do ambiente) neste caso com um conjunto ampliado em relação aos cursos atuais; além de disciplinas de formação específica da engenharia de petróleo.

As disciplinas de escolha condicionada e as disciplinas de escolha livre permitem ao aluno adequar o curso às suas peculiaridades particulares. No conjunto de disciplinas condicionadas são oferecidas disciplinas que ampliam o curso de engenharia de petróleo no sentido de um curso de engenharia da energia, ou que ampliem as habilidades técnicas e / ou gerenciais dos alunos.

Os requisitos curriculares suplementares têm o objetivo de permitir ao aluno integrar os diversos conhecimentos adquiridos nas diferentes disciplinas aplicando-os na solução de problemas reais (ou bastante próximos da realidade) e procurando resolvê-los em equipe e gerando uma documentação técnica adequada

Disciplinas Obrigatórias


As matérias obrigatórias são divididas em 3 grupos:

· Matérias de Formação Básica
· Matérias de Formação Geral
· Matérias de Formação Profissional


Matérias de Formação Básica
1. Matemática

1.1. Cálculo Diferencial e Integral I


Sequências. Limites. Continuidade. cálculo e aplicação das derivadas. A integral definida. Função inversa. Técnicas de Integração: integração por partes e Integração por substituição simples e trigonométricas.

1.2. Cálculo Diferencial e Integral II

Equações diferenciais Ordinárias de 1º ordem e Equações Diferenciais de 2º ordem com coeficientes constantes: curvas e Vetores no Plano. Vetores no Espaço Tridimensional e Geometria Analítica Sólida: retas e Planos, Cilindros e Superfícies de resolução, Superfícies Quádricas: Regras da cadeia, Curvas de Nível, Derivadas Direcionais e Gradiente; Plano Tangente e Reta Normal e Superfície. Superfície de Nível. Máximos e Mínimos e Multiplicadores de Lagrange.

1.3. Cálculo Diferencial e Integral III


Definição de Integrais Duplas e Integrais Triplas. jacobiano em R2 e R3. Mudança de Variável na Integral Dupla e na Integral Tripla. Integral de Linha de Plano: teorema de Green e Campos Conservativos. Parametrização de curvas no R3. Integral de Linha no Espaço. Integrais de Superfície. Teorema de Gauss. Teorema de Stokes e Independência do caminho.

1.4. Cálculo Diferencial e Integral IV

Série de Potências. Resoluções de Equações Diferenciais Lineares Ordinárias de 2º ordem com Coeficientes Variáveis: 1) Soluções por série próximo a um Ponto Ordinário; 1.1) Soluções por Série Próximo a um Ponto Regular (Método de Froebenius). Transformada de Laplace. Séries de Fourier. Problemas de Valores de Contorno e Teoria de Sturm-Liouville. Equações Diferenciais Parciais Clássicas: 1)Onda; 1.1) Calor; 1.1.1) Laplace; Dirichlet no retângulo e Ririchlet no círculo.

1.5. Álgebra Linear II
Geometria dos espaços vetoriais de dimensão finita. Transformações Lineares. Matrizes e Determinantes. Produto Escalar. Produto vetorial e aplicações á Geometria Euclidiana.

1.6. Cálculo Numérico

Aritmética de Ponto Flutuante, Erros, zeros de funções, Resolução de Sistemas Lineares, Interpolação, Integração Numérica e Soluções Numéricas de Equações Diferenciais Ordinárias.

1.7. Probabilidade e Estatística

Teoria das probabilidades. Distribuição discretas e contínuas. Correlação e regressão. Estimação. Testes de Hipóteses. Técnicas de amostragem.

1.8. Estatística Aplicada I


Conceitos básicos: Variável aleatória, esperança matemática e variância aleatória (discreta e contínua). Distribuições normal e Poisson. Distribuição amostral: média, diferença de média, proporção, variância e razão entre duas ou mais médias, variância e razão entre duas variâncias. Teste de aderência. teste de associação entre variáveis qualitativas (destruição qui-quadrada).



2. Física

2.1. Física I – A


Introdução. Vetores. velocidades e Aceleração Vetoriais. Os princípios da dinâmica. Aplicação das Leis de Newton. Trabalho e Energia Mecânica. Conservação da Energia. Momento Linear e Conservação do Momento Linear. Colisões. Rotação e Momento Angular. Dinâmica de corpos rígidos. Força que varia inversamente ao quadrado da distância. (gravitação).

2.2. Física II – A


Oscilações. Oscilações amortecidas e forçadas. Ondas. Som. Fluídos. Temperatura. Calos – 1º Lei da Termodinâmica. Propriedades dos gases. A 2º :Lei da Termodinâmica. Teoria Cinética dos gases. Transferência de calor e massa.

2.3. Física III – A

Lei de Coulomb. Campos Elétricos. Lei de Gauss. Potencial Elétrico. Capacitores. Correntes e Circuitos. Campo Magnético. Leis de Ampére e Biot. Javart. Lei de Farady. Indutância. Corrente de deslocamento. Equações de Maxwell.

2.4. Física IV – A

Ondas eletromagnéticas. Energia e Momento da Luz. Noções de Relatividade Restrita. Fenômenos de Interferência. Direção. Polarização. Física Moderna, Efeitos Fotoelétricos e Compton. Átomo de H. Direção de Elétrons. Função de Onda. Equação de Schriedinger. Principio de incerteza.

2.5. Física Experimental I – A

Introdução ao Laboratório. Cinemática da partícula. Dinâmica da partícula. Princípios de conservação. Choque.

2.6. Física Experimental II – A

Dinâmica das Rotações. Movimento Oscilatório. Calorimetria.

2.7. Física Experimental III – A

Instrumentos de medidas elétricas. Resistores. Capacitores. Tensões e Correntes Alternadas. Campos Magnéticos Estáticos.

2.8. Física Experimental IV – A


Indução Eletromagnética Oscilações Eletromagnéticas, Conservação de Energia. – Semicondutores –Ótica.



3. Química

3.1. Fundamentos de Química Orgânica e Química do Petróleo

Estrutura atômica. Estrutura molecular. Química do carbono. Estrutura do metano. Alcanos, alquenos e hidrocarbonetos aromáticos. Forças intermoleculares. Movimento das moléculas. Propriedades físicas. Fases e mudança de fases. Fases complexas (micelas). Classificação dos óleos crus. Frações de destilação do petróleo e principais usos. Visão geral da indústria do petróleo e petroquímica.

4. Informática

4.1. Programação de Computadores I


Computadores e ambientes de programação. Algoritmos. A linguagem PASCAL. Estrutura de um programa. Tipos de variáveis. Comandos de atribuição, entrada, saída. Operadores e expressões. Comandos condicionais e de repetição. Funções e procedimentos. Estruturas de dados em PASCAL. Manipulação de caracteres e textos. Solução de problemas diversos em Pascal.

4.2. Programação de Computadores II

Recursos avançados da Pascal: registros, conjuntos, apontadores e arquivos. Estruturas de dados mais comuns: matriz, listas, pilhas e árvores. Atualização, busca e ordenação em arquivo sequênciais e indexados. Técnicas para decomposição de problemas em módulos e sua implementação em computador. Baktracking e recursão. Processamento de textos. Resolução de problemas diversos utilizando as técnicas acima.



5. Expressão Gráfica

5.1. Desenho de Engenharia,


Vistas ortográficas. Cortes e seções. Perspectivas. Normas para desenho. Dimensionamento . Desenho de elementos de ligação. Desenho de edificações. Desenho de estruturas. Desenho de tubulações. Desenho de instalações elétricas. Computação Gráfica.



6. Eletricidade

6.1. Eletricidade Básica


Conceitos Básicos. Circuitos de corrente alternada monofásicos. Circuitos trifásicos equilibrados. Circuitos magnéticos. Transformadores. Máquinas rotativas. Máquinas síncronas. Motores de indução trifásicos. Motores de indução monofásicos. Máquinas de corrente contínua. Seleção de motores. Retificadores a estado sólido.



7. Formação Básica em Engenharia

7.1. Termodinâmica

1) Conceitos básicos e definições., 2) Temperatura, Equilíbrio térmico, 3) Gás ideal, Escalas termométricas: Celsius e Kelvin; 4) Energia, Trabalho e Calor; 5) A primeira lei da Termodinâmica, aplicações: sistemas fechados e abertos; 6) Comportamento termodinâmico de uma substância simples; 7) Entropia e a segunda lei da termodinâmica; 8) Disponibilidade e Irreversibilidade. Energia; 9) Ciclos termodinâmicos fundamentais. Análise de desempenho. 10) Relações termodinâmicas.

7.2. Mecânica I

Estática : Redução de sistemas de forças, equilíbrio, estruturas, centro de massa, atrito. Cinemática : Movimento de partículas e corpos rígidos. Dinâmica : Dinâmica de partículas e corpos rígidos.

7.3. Mecânica Dos Fluidos

Caracterização dos fluidos: propriedades físicas relevantes e modelos geológicos. Estática dos fluidos: equação fundamental e manométrica. Cinemática dos fluidos: equação da continuidade. Dinâmica dos fluidos: equações do movimento e da energia mecânica. Análise dimensional e similaridade. Equação da energia mecânica para fluidos reais: perda de carga e seleção de bombas. Análise de camada limite. Arraste viscoso e de forma.

7.4. Resistência dos Materiais

Conceitos de tensão e deformação. Tração, compressão e cisalhamento. Estado plano de tensões e de deformações. Flexão pura, simples e composta. Torção. Cálculo de deslocamento em vigas. Noções de hiperestática. Noções de flambagem. Energia de deformação.

7.5. Princípios e Ciências dos Materiais


Propriedades dos materiais. Estruturas dos materiais. Diagramas de fases. Aços, Ligas não-ferrosas, cerâmicos e polímeros. tratamentos térmicos. Corrosão. Soldagem.



Matérias de Formação Geral

1. Evolução da Ciência


Pequena introdução a história da ciência: a antiguidade, Arquimedes, Aristóteles e as cosmologias. Copérnico, Giordano Bruno, Galileu, Kleper e a revolução científica do séc. XVII. Newton e Leibniz. A mecânica e a matemática. O método científico. A revolução industrial e a revolução política do século XVIII. Os modelos de engenharia. O impacto da revolução industrial. A seg revolução industrial, a urbanização e a consolidação da ideologia da racionalidade científica. A tecnologia como valor supremo da sociedade industrial. As crises econômicas do século XX. A importância do domínio tecnológico em face da formação de vínculos econômicos globais. O mercado mundial. As perspectivas para o futuro.

2. Introdução a Economia

Evolução da Ciência Econômica. Diferente Escolas de Pensamento: fase pré-científica; do Mercantilismo às escolas modernas. Conceituação: problemas econômicas e necessidades humana. Trocas diretas e indiretas: fluxo circular da economia. Governo: suas funções econômicas. Empresas privadas: forma jurídica e, financiamento. Contabilidade social: medida dos agregados. Estudos dos agregados: a concepção Keynesiana. Moeda: diferentes instituições financeiras, bancos comerciais. Política monetária e política fiscal: monetaristas e keynesianos. Setor externo: balanço de pagamentos. Noções de microeconomia: mercado e preços. O consumidor: procura e utilidade. Produção e custo. Visão alternativa dos custos. Estrutura de mercado.

3. Análise e Produção Textual

Trabalhos de trans-codificação do visual para a escrita e dos escritos para o visual, estático ou cinético. Exame de textos críticos sobre literatura, cinema, imagens, etc.

4. Economia da Engenharia

Conceitos iniciais: juros, taxas e formas de capitalização. Cálculo dos juros: regimes simples, composto e contínuo. Equivalência de capitais: valor atual e taxa de retorno (método de cálculo). Série de pagamentos e fatores de juros compostos. Amortização de empréstimos: sistemas price, sac e correção monetária. Fluxo de caixa: investimentos: “play-back”, valor atual, taxa de retorno e custo anual.

5. Contabilidade Gerencial

Introdução à Contabilidade, com enfoque para a Contabilidade Gerencial. Principios contábeis geralmente aceitos. Sistemática contábil. Regimes de Contabilidade. Principais demonstrações financeiras: Balanço Patrimonial, Demonstração do Resultado do Exercício. Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido. Demonstração do Fluxo de Caixa e Demonstração de Origens e Aplicações re Recurso. Escrituração. Razonetes em “T”. Balancete.

6. Controle de Qualidade


Gerenciamento da qualidade total. Auditoria e qualidade. Ferramentas de qualidade. Custos de qualidade.

7. Introdução à Engenharia do Petróleo

História e economia do petróleo. Como a Terra foi formada. Origens do Petróleo e sua Acumulação. As atividades da indústria: exploração, performance e desenvolvimento de reservatórios, perfuração e completação de poços, avaliação de formações, elevação natural e artificial, processamento, transporte, distribuição. Sistemas de Produção de petróleo. Contratos e Regulamentação. Noções de ética e profissionalismo.



Matérias de Formação Profissional

Geologia

1. Geologia para Engenheiros


Fornecer noções básicas sobre os princípios fundamentais e históricos da Geologia; estrutura e constituição da Terra; conceito de mineral e rocha; Geologia Estrutural (falhas e dobras); Teoria da Tectônica de Placas; processos endógenos (plutonismo e metamorfismo) e exógenos (vulcanismo, intemperismo e sedimentação); Tempo Geológico; uso dos fósseis na Geologia (noções de Paleontologia); e evolução da crosta terrestre (Geologia Histórica).

2. Introdução a Mecânica das Rochas
Noções básicas, histórico e campos de aplicação da mecânica das rochas. Descrição dos maciços rochosos. A mecânica das rochas na engenharia de petróleo.

3. Análise de Bacias Sedimentares

Fornecer noções de Sedimentologia (origem e propriedades dos sedimentos e rochas sedimentares, processos sedimentares, conceito de fácies sedimentar e caracterização de paleoambientes de sedimentação), Estratigrafia (princípios, conceitos gerais, unidades estratigráficas formais e genéticas, e mapas estratigráficos); métodos de investigação de superfície (mapeamento e levantamento aerogeofisico) e subsuperfície (testemunhos, sísmica de reflexão e perfis geofísicos de poço); tectônica formadora (origem) e deformadora e classificação de bacias; bacias sedimentares brasileiras.

4. Geologia Marinha

Fornecer noção sobre a estrutura e constituição geológica das margens continentais, em especial a brasileira, onde se concentram as mais importantes reservas petrolíferas nacionais; geofísica e geoquímica marinhas; métodos de investigação direta (box-corer, piston-corer etc.) e indireta (sísmica, SSS, ecobatímetro etc.); Geotectônica e evolução do oceano Atlântico Sul.

5. Geologia do Petróleo

Fornecer os conceitos básicos sobre os sistemas petrolíferos, técnicas exploratórias e métodos de Geologia de Desenvolvimento e de Reservatórios; origem, composição e localização das jazidas petrolíferas; processos de geração, migração e acumulação; trapas estratigráficas e estruturais; Geofísicos de Exploração (sísmica de reflexão); noções básicas de perfuração de poços; teste de formação; caracterização de reservatórios

6. Estudo Geológico de Campo
Reconhecimento in loco da história de preenchimento e de deformação de uma bacia sedimentar (sugere-se a Bacia do Recôncavo, BA), incluindo a identificação de fácies sedimentares, descrição de afloramentos (perfis estratigráficos, rochas, estruturas etc.), interpretação de paleoambientes de sedimentação, reconhecimento de unidades estratigráficas; leitura e interpretação de mapas geológicos; uso de equipamento geológico de campo (bússola, GPS etc.); descrição de testemunhos e calibração com dados geofísicos de poços.

7. Introdução a Modelagem de Bacias Sedimentares

Descrição dos fenômenos e processos naturais básicos envolvidos na formação, evolução e controle de jazidas de hidrocarbonetos nas bacias sedimentares:geração, migração e acumulação. Introdução a modelagem matemática e computacional destes fenômenos e processos naturais.



Engenharia de Reservatórios

1. Engenharia de Reservatórios


As relações entre geologia, propriedades básicas da rocha reservatório, fluxo em meios porosos; classificação dos reservatórios de petróleo. Balanço de materiais, análise de reservatórios, deslocamento de fluídos, manutenção de pressão, recuperação primária e métodos avançados de recuperação. Introdução a modelagem e simulação de reservatórios. Introdução aos princípios de estimação / classificação de reservas.

2. Avaliação de Formações

Teoria, medição e avaliação de Perfis de poços. Testemunhagem e Análise de testemunhos. Monitoramento de reservatórios e perfis de Produção. Testes de formação. Testes de pressão e de fluxo. Testes a poço aberto e testes de poços revestidos

3. Simulação. e Modelagem de Reservatórios

Modelo físico e matemático de reservatórios. Modelo Numérico: sistemas de equações, formas de discretização, definição da malha. Modelo Computacional. Simulação: Ajuste de histórico, previsão de produção, análise de alternativas. Simuladores Comerciais.

4. Métodos Especiais de Recuperação 

Apresentar aos alunos os métodos avançados de recuperação de petróleo: Métodos Químicos, Métodos Térmicos: Combustão, Injeção de Vapor

5. Gerenciamento e Monitoração de Reservatórios


Aplicação dos conceitos aprendidos nas demais disciplinas de Engenharia de Reservatórios (bem como nas demais áreas), a um estudo de caso completo.



Engenharia de Poço

1. Perfuração


Elementos de mecânica das rochas, fluídos de perfuração. Projeto do poço: perfuração, cimentação e revestimentos, coluna de produção. Controle de blowout. Perfis para perfuração de poços. Gerenciamento do processo de perfuração

2. Completação

Projeto do poço: coluna de produção. Canhoneio. Dano de formação, técnicas de estimulação. Fraturamento hidráulico. Controle de areia. Perfilagem de produção.

3. Fluidos de Perfuração e Completação

Classificação, viscosidade aparente, equações constitutivas, medidas de propriedades reológicas, perda de pressão em escoamentos laminares completamente desenvolvidos para fluidos independentes do tempo. Perda de carga em escoamentos turbulentos completamente desenvolvidos. Fluidos viscoelásticos.



Tecnologia Offshore

1. Plataformas Oceânicas I


Revisão Probabilidade e Estatística, Oceanografia Básica, Ondas de projeto, Mecânica das Ondas: Teoria Linear de Airy, Hidrodinâmica básica: difração e Morison.

2. Plataformas Oceânicas II

Concepções de plataformas,Conceitos de Sistemas de Posicionamento Dinâmico Dinâmica de 1 GL, Dinâmica de Plataformas: RAOs, Conceitos básicos do projeto estrutural: condições extremas e fadiga, Introdução à confiabilidade estrutural

3. Comportamento Estrutural de Sistemas Oceânicos
Noções básicas sobre a análise estrutural de: risers, linhas de ancoragem (amarras, cabos de aço, poliéster), dutos (pipelines), casco de navios e de plataformas do tipo TLP e Semi-submersíveis, jaquetas.

4. Sistemas Submarinos

Descrição dos equipamentos submarinos empregados na produção e perfuração de poços de petróleo, Métodos de instalação, Inspeção e reparo submarino.

5. Materiais em Engenharia de Petróleo



Processo de Produção

1. Tecnologia de Refino de Petróleo e Processamento de Gás Natural


Petróleo e Gás Natural como principais fontes de matéria-prima: Histórico, A matriz energética brasileira, A matriz energética internacional, Principais derivados; Gás Natural: Ocorrências, Caraterização. Definição, Produção, Processamento (UPGN), Aplicações e derivados; Petróleo: Ocorrências, Caracterização. Definição, Processamento, Processos de separação, Processos de conversão, Processos de tratamento, Processos auxiliares.

2. Processamento de Petróleo

Termodinâmica aplicada. Balanço de Materiais. Processo de vaporização e equilíbrio flash. Transporte e medição de fluxo de líquidos e gases. Fluxo em tubulações. Projeto de tubulações e de redes de tubulações. Análise e Projeto de bombas. Processos e equipamentos de transferência de calor. Separação óleo-gás: processos e equipamentos. Sistemas de tratamento e dessalgação de óleo.

3. Instalações de Produção de Petróleo

Sistemas de produção de petróleo: terrestres e no mar. Projeto de facilidades de produção. Tratamento de água. Facilidades de produção: energia elétrica, ar comprimido, sistemas hidráulicos. Sistemas de medição, instrumentação e controle. Válvulas, Sistemas de segurança. Linhas de fluxo e manifolds.

4. Instrumentação e Automação Industrial de Processos
Instrumentação para controle e automação de processos. Caracterização de instrumentos de medida, controle e atuação. Elementos sensores, transdutores e transmissores de sinais de variáveis de processo. Válvula de controle, características inerentes e instaladas. Controladores simples e multimalhas. Controladores programáveis. Projeto de sistemas digitais de monitoração e supervisão. Sistemas de controle multivariáveis. Aplicações simuladas de sistemas de controle e automação a processos e operações unitárias da indústria química.

5. Escoamento Multifásico

Fluxo em tubulações e formações, incluindo fluxo mono e multifásico. Elevação natural de Petróleo.

6. Métodos de Elevação Artificial
Métodos de Elevação artificial: gas lift, bombeio elétrico submerso, bombeio hidráulico.

7. Engenharia do Gás Natural

Origem e composição do Gás Natural. Reservatórios de Gás Natural: determinação de volumes, comportamento de fases, balanço de materiais. Perfilagem. Análise de Produção. Processamento do Gás Natural: separação de fases, desidratação, compressão , transporte e armazenagem. Redes de gás natural. Usos e aplicações do gás natural.

8. Gerência de Operações E&P

Decisões de Operações: Formas de organização, Tipos de Relacionamentos, Gestão de Pessoas, Segurança Industrial e Ambiental, Mercado e Preços. Decisões de Investimento: o ponto de vista dos acionistas, investimentos em exploração, desenvolvimento e operação. Controles: sistemas de gestão, relatórios de reservas, produção, pesquisa e desenvolvimento. Orçamentos. Auditorias.



Economia do Petróleo

1. Avaliação Econômica de Projetos de óleo e gás


Avaliação econômica de projetos de óleo e gás sob condições de certeza e incerteza. Valor do dinheiro no tempo, suposições de taxa de desconto, medidas de lucratividade de projetos, custos, taxações; Análise de decisões: árvores de decisão, análise bayesiana, valor da informação; Análise de risco: simulação de fluxo de caixa por Monte Carlo, Funções de Utilidade, Equivalente Certo.

2. Economia do Petróleo

Energia, crescimento e sociedade, Balanço Energético Nacional, geopolítica da energia, história econômica do setor de hidrocarbonetos, evolução dos sistemas tecnológicos de E & P, a crise do petróleo, o contra-choque petrolífero, estratégias de empresa e políticas de governo para o setor, competição na indústria do petróleo e regulação na indústria de gás natural. Comércio do petróleo e do gás natural; OPEP, mercado SPOT e futuro. Concessões, licenças, parcerias, joint ventures.

3. Regulamentação e legislação de petróleo

Apresentar e analisar o arcabouço legal e regulatório que governa o processo de abertura do setor petróleo no Brasil, bem como estudar o regime de concessão em comparação com outros tipos de regimes de exploração e produção de petróleo praticados no mundo. Além disso, serão apresentados e discutidos modelos de contratos de parcerias no segmento upstream, considerando, particularmente, a experiência da Petrobras.



Meio Ambiente

1. Engenharia do Meio Ambiente


O meio ambiente. A terra e a biosfera. Água e ciclos de materiais . Impacto das atividades humanas no ambiente diagnóstico. Parâmetros de medida. Modelos e projeções. Resíduos. Aspectos econômicos. Legislação. Fiscalização. Ecodesenvolvimento.

2. Sistemas de Gestão Ambiental

Definições. Classificação dos ecossistemas. Fases da avaliação do impacto ambiental e sua inserção no planejamento. Métodos: cartográficos, check-lists, matriciais, redes, batelle, avaliação e gerenciamento do risco tecnológico. Sistema Nacional de Meio Ambiente. Instrumentos da política ambiental brasileira. O estudo ambiental (EIA) e o relatório de impacto ambiental (RIMA) na legislação brasileira. Prática de elaboração de EIAs/RIMAs no Brasil: a ótica do executor, do empregador e dos órgãos públicos. Análise crítica da avaliação de impacto ambiental no Brasil.

3. Impacto Ambiental da Indústria do Petróleo 

Introdução à análise comparativa dos impactos ambientais da cadeia de produção/uso das diversas fontes de energia. Conceitos e definições de meio ambiente, energia e risco tecnológico. Impactos ambientais da exploração, produção, refino, transporte, armazenamento e uso de petróleo, gás natural e seus derivados. Grandes problemas ambientais a nível internacional relacionados à produção e utilização de petróleo: poluição atmosférica urbana, chuvas ácidas, aumento do efeito estufa. Opções energéticas mundiais diante dos riscos ambientais globais. O caso Brasil. Prioridades de política ambiental para o Sistema Energético Brasileiro. Ao final do curso: teste de assimilação do conteúdo da disciplina e entrega de um trabalho escrito sobre o tópico selecionado dentre os temas estudados.

4. Engenharia do Trabalho

Segurança do trabalho. Fatores motivacionais. Ergonomia. Normas de segurança em ambientes industriais. Análise de postos de trabalho

5. Psicologia e Sociologia Industrial

História da disciplina e as novas abordagens exigidas pelo novo paradigma industrial. Princípios do gerenciamento da motivação e aprendizagem. Dinâmica de grupos, sinergia em equipes, estruturação das relações entre equipes. Os papeis dos Engenheiros de Produção no surgimento de uma nova cultura organizacional.

Disciplinas Complementares de Escolha (mínimo de 300 horas)

1.Filosofia da Ciência

2.História da Tecnologia

3.Humanidades e Ciências Sociais

4.Planejamento Energético

5.Conservação de Energia

6.Organização Industrial e Tecnologia na Industria do Petróleo

7.Gerência. da Inovação e Criação de Empresas de base tecnológica

8.Logística

9.Sistemas de Utilidades Industriais

10.Fontes Alternativas de Energia

11.Metrologia

12.Cogeração de Energia

13.Introdução à Propriedade. Industrial e à Transferência de Tecnologia

14.Normalização e Certificação de Qualidade

15.Gestão de Recursos Humanos

16.Programação e Controle da Produção

17.Gerência de Qualidade

18.Técnicas de CAD
Estrutura Curricular, retirado do site da UFRJ http://www.petroleo.ufrj.br/organi_curricular.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário